Conclusão do ensino médio para Operadores de Máquinas

A importância da continuidade do ensino para Operadores de Máquinas

Conclusão do ensino médio para Operadores de Máquinas

  • Vera Casemiro
  • 2 anos, 2 meses
  • 0 Comentários

Neste artigo, a pedagoga da CNI, Vera Casemiro, disserta sobre como a inovação e a educação podem interferir, juntas, na vida dos profissionais brasileiros. A importância de se manter dentro do mercado de trabalho, para ter uma vida dígna é uma percepção de todos nós, mas, será que você está realmente preparado(a) para assegurar o seu emprego? Descubra como a CNI pode ajudar você a se desenvolver profissionalmente.  Continue lendo este artigo e conquiste o lugar desejado.


"Quem não adaptar-se às mudanças, será atropelado pelo choque da inovação"

Máquinas programadas para facilitar nosso dia a dia, já é realidade há algum tempo. Inteligência artificial, robôs que operam em fábricas e nos hospitais, nos laboratórios de pesquisas, no mercado financeiro ou num fronte de batalhas, são cada vez mais presentes; nem sempre amigáveis, porém, necessários e inevitáveis. 

Tais máquinas são programadas a partir de um algorítimo.

Mas afinal o que é um algorítimo?

“É a sequencia finita de instruções ou passos bem definidos, que podem ser executados mecanicamente em um período de tempo”. “Um algorítimo não representa um computador e sim, os passos necessários para realizar uma tarefa”. 

Todo algorítimo imita os nossos pensamentos, com relação a uma ação a ser executada.

Você já parou para analisar como a tecnologia vem alterando nossos hábitos e costumes, nos últimos anos?

Vamos imaginar a seguinte situação:

Você tem uma pequena empresa com um site e-comerce bem funcional. De repente, sua empresa começa a ser questionada pelos alunos, que não conseguem mais inscreverem-se num Curso para Operador de Cana-de- açucar, por exemplo, pois, nem sempre usam o computador para acessar o Google, e sim, um Smatphone. É justamente ai o ponto o qual você percebe que, inovar o site é o suplemento necessário para prevenir a falência dos órgãos da empresa. Fortalecer os laços de bom relacionamento com os alunos – networking - criar interface com as empresas parceiras colocará a CNI literalmente nas nuvens. Eu sei, você já ouviu este trocadilho, mas é o que realmente estamos fazendo: adequando a plataforma para disponibilizar conteúdos didáticos em nuvem. Na verdade, contratamos uma empresa especializada para fazer as mudanças, ou seja, deixar a CNI de cara nova.

Eis que entra em ação o Cirurgião Plástico, digo, o Programador!

Começa então a batalha dos algorítimos, que tenta imitar o pensamento do Programador, que por sua vez, tenta compreender a necessidade do cliente, no caso nós, a CNI.

Mas afinal, por que estou escrevendo sobre isso? Para lembrar o que disse lá no começo deste texto:

O Operador de Máquinas adaptar-se às mudanças, será atropelado pelo choque da inovação

Como uma conversa leva a outra, em todos os cursos da CNI, os Instrutores aplicam metodologia apropriada, deixando o aluno muito a vontade para refletir sobre objetivos de vida, sonhos, metas e como estão preparando-se para adequarem à realidade e aos avanços meteóricos da tecnologia. 

Nosso papel e responsabilidade como educadores, vão muito além do espaço da sala de aula, do campo ou do galpão onde estão as máquinas para realizarer aula prática. Incentivamos nossos alunos para, além de tornarem-se Operador de Máquinas, voltarem a estudar e completar a formação no Ensino Básico. 

Na perspectiva da inclusão no mercado de trabalho, a CNI valoriza a cultura e a experiência do aluno, incentivando-o à busca continua do saber elaborado socialmente, seja através de um curso profissionalizante, ou inscrevendo-se nas Escolas Especializadas em Educação de Jovens e adultos.

A importância de se fazer uma auto-avaliação

Nosso objetivo é que o aluno faça uma reflexão crítica sobre o fato de que toda pessoa lê a si mesma, o outro, o cotidiano, a natureza, a sociedade , o mundo e a vida. As máquinas realizam coisas extraordinárias pela sequência ordenada dos algorítimoss, mas, sem o Operador de Máquinas, nada acontece. 

Sabemos que, historicamente, milhares de brasileiros não tiveram a oportunidade e acesso à Educação Formal, na idade adequada, ou não tiveram condições de continuar os estudos, por necessidade de trabalhar, e assim poder contribuir com o sustento da família. Nosso objetivo é contribuir de forma a incentivar o aluno a voltar à escola, independente da idade e do nível de escolaridade que possui.

Voltar a estudar, um sonho possível

O Acesso à Educação de Jovens e Adultos é uma das alternativas, dentre muitas, para tirar nosso pais da crise e do subdesenvolvimento. A partir da triste constatação de que, a baixa escolaridade é impeditivo para o desenvolvimento social e econômico, algumas politicas publicas foram implementadas, para elevar a escolaridade, dando a milhares de brasileiros, a oportunidade de concluir a Educação Básica e poder vislumbrar a oportunidade de acesso ao Ensino Superior.

 Na Lei Nº9894/96 das Diretrizes e Bases da Educação Nacional, no artigo 37, parágrafo 1º e 2º - Seção V, está estalelecido que:

"A Educação de Jovens e Adultos será destinada àqueles que não tiveram acesso ou
continuidade de estudos no ensino fundamental e médio na idade própria. Os sistemas
de ensino assegurarão gratuidade aos jovens e adultos que não puderam efetuar os
estudo na idade regular, oportunidades educacionais apropriadas, consideradas as
características dos alunos, seus interesse, condições de vida e trabalho, mediante
cursos e exames. O poder Público viabilizará e estimulará o acesso e a permanência do
trabalhador na escola, mediante ações integradas e complementares entre si".

Como dizem nossos pais e avós: Conhecimento ninguém nos rouba.

Portanto, "Um pouco de conhecimento pode iluminar nossa vida". (Mister Anderson - Acedemia Lotus)


00 Comentários

Preencha o formulário abaixo e deixe aqui seu comentário.